Revista Veja - Insegurança: gaúchos têm medo de morrer e até de ficar em casa

Insegurança: gaúchos têm medo de morrer e até de ficar em casa

Com alta de 94% dos latrocínios, pesquisa em cidades da região metropolitana mostrou que 68% dos entrevistados mudaram seus hábitos por causa da violência

 

Por causa da alta dos índices de criminalidade no Rio Grande do Sul, os gaúchostemem morrer. O medo de morte atinge 15,3% da população de sete cidades da região metropolitana de Porto Alegre conforme pesquisa divulgada na última quarta. Destes, 10% tem medo de morrer em um assalto e 5,3% tem medo de morrer pela violência. Somente na cidade de São Leopoldo, o medo de perder a vida em um assalto chega a 20%. O principal medo dos gaúchos, entretanto, é sofrer o assalto em si: 52,7% dos entrevistados teme ser assaltado.

O medo não é infundado. O latrocínio, o roubo seguido de morte, aumentou 94%no estado comparando o primeiro semestre deste ano com o primeiro semestre de 2010. Os latrocínios que aterrorizam os gaúchos aumentaram de 39 para 76 nesse período. Nesse ano já foram 99 somente até setembro. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

 

“É nisso que dá fazer segurança pública sem que seja política de estado [duradoura], mas como política de governo [passageira]”, disse o coronel Marcelo Gomes Frotas, presidente da Asofbm (Associação dos Oficiais da Brigada Militar).

O estudo sobre a segurança foi encomendado pela Asofbm, entidade que representa os policiais militares de patentes superiores. Procurada por VEJA para comentar a pesquisa, a SSP não quis se manifestar sobre os resultados.

A Asofbm também divulgou pesquisa sobre a aprovação do governo de José Ivo Sartori (PMDB): apenas 5,5% dos entrevistados aprovam seu governo. Através da Secretaria de Comunicação, o governo informou que não irá comentar a pesquisa. Na área da segurança, apenas 2,9% aprovam a gestão. A violência é tanta que os crimes no noroeste do estado chegaram a receber o nome de “cangaço” por causa da violência.

 

Segue link - https://veja.abril.com.br/blog/rio-grande-do-sul/inseguranca-gauchos-tem-medo-de-morrer-e-ate-de-ficar-em-casa/




Vídeos

A Segurança Pública é uma das prioridades do Candidato ao Governo do Estado do RS, Eduardo Leite (PSDB). A manifestação foi garantida durante o encontro na associação dos Oficiais da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros.


Veja mais notícias [+]