Entrega da Declaração IRPF 2021 com desconto especial para sócios ASOFBM na Alliança Contabilidade Tributário

Está obrigada a apresentar a Declaração de Ajuste Anual (DAA) referente ao exercício de 2021, a pessoa física residente no Brasil que, no ano-calendário de 2020:

1 – recebeu rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma foi superior a R$ 28.559,70 (vinte e oito mil, quinhentos e cinquenta e nove reais e setenta centavos);

2 – recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

3 – obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;

4 – relativamente à atividade rural:

a) obteve receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 (cento e quarenta e dois mil, setecentos e noventa e oito reais e cinquenta centavos);
b) pretenda compensar, no ano-calendário de 2020 ou posteriores, prejuízos de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2020;

5 – teve, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300.000,00 (trezentos mil reais);

6 – passou à condição de residente no Brasil em qualquer mês e nesta condição se encontrava em 31 de dezembro;

7 – optou pela isenção do imposto sobre a renda incidente sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja destinado à aplicação na aquisição de imóveis residenciais localizados no País, no prazo de 180 (cento e oitenta) dias contados da celebração do contrato de venda, nos termos do art. 39 da Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005; ou

8 – tenha sido beneficiária do auxílio emergencial para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (covid-19) de que trata a Lei nº 13.982, de 2 de abril de 2020, e que tenha recebido outros rendimentos tributáveis superiores a R$ 22.847,76 (vinte e dois mil, oitocentos e quarente e sete reais e setenta e seis centavos).

Quais as deduções permitidas na legislação para determinação da base de cálculo do imposto sobre a renda?

Declarantes com renda tributada, poderá aproveitar as seguintes despesas para dedução:

1 – Dependentes – R$ 2.275,08 por dependente, importante observar se o dependente recebeu o auxilio emergencial
2 – Livro-caixa (profissional liberal);
3 – Despesas médicas e com plano de saúde;
4 – Contribuição previdenciária
5 – Pensão Alimentícia
6 – Despesas com Educação – Limitada a R$ 3.561,50 anuais para o titular e para cada dependente ou alimentando com os quais o titular efetuou despesas com instrução.
Previdência Privada
7 – Outras situações específicas, favor nos consultar.

Qual é a documentação necessária?

  • Comprovante de rendimentos (renda tributada)
  • Informe de Rendimentos fornecidos pelos bancos
  • Inventário de bens (relação de bens móveis e imóveis)
  • Informe de Rendimentos relativo a aplicações em bolsa de valores
  • extrato relativo a Dividas
  • Direitos junto a pessoas físicas
  • Comprovantes das despesas dedutíveis

Qual o valor cobrado pela Alliança para entrega da Declaração.

  • O valor cobrado parte de R$ 150,00, pois depende da complexidade em relação as transações realizadas pelo contribuinte no ano.
  • Os associados da ASOFBM e indicações destes, tem 30% de desconto no valor acima.

Nosso Contato:

(51) 981-983615 Contador José Marcelo Barbosa Rocha
(51) 981-627993 Contador Jeferson Duarte Oliveira
(51) 3377-1319 Sede da Alliança

Os documentos podem ser enviados para Av. Nonoai, 151 sl 301 Porto Alegre (RS), 91720-000, ou pelo whats nos celulares acima, também nos e-mails [email protected] e [email protected]

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Associe-se hoje mesmo a quem defende e apoia você!